Pages

quarta-feira, 31 de julho de 2013

JOGO4-SAMPAIO CORREA X SANTA CRUZ




SAMPAIO CORREA:
Sampaio Corrêa e Santa Cruz se enfrentam neste sábado pela Série C do Brasileiro. O duelo pela sétima rodada do campeonato não será o primeiro encontro das equipes neste tipo de competição.

A Cobra Coral e a Bolívia Querida, donas de grandes torcidas em seus respectivos estados, já se encontraram em outras oportunidades. Pernambucanos e maranhenses já se duelaram em Campeonatos Brasileiros quatro vezes.

O detalhe curioso é que existe um tabu neste confronto: o Sampaio nunca venceu o Santa Cruz neste tipo de competição. São duas vitórias da Cobra Coral e dois empates.

O primeiro duelo aconteceu no dia 1º de setembro de 1976, na casa dos pernambucanos. Melhor para a Santa Cruz que venceu o Sampaio por 2 a 0.

Já a segunda partida foi realizada no Estádio Nhozinho Santos, em São Luís-MA. Neste duelo não houve vencedor. O placar final foi de 1 a 1.
Os duelos anteriores foram disputados pelos Brasileiros, quando o mesmo ainda era uma competição unificada. Já o terceiro e quarto duelo foram realizados pela Série B do nacional.

No dia 30 de outubro de 1999, o Sampaio perdeu em casa por 2 a 1. Já em 23 de agosto de 2002, houve um novo empate na história do duelo. O jogo terminou sem gols, 0 a 0.

A partida entre Sampaio Corrêa e Santa Cruz pela Série C 2013 será realizada no Estádio Castelão, em São Luís-MA. O duelo deste sábado está marcado para às 16h.
Confrontos em Brasileiros*

Santa Cruz 2x0 Sampaio (1º de setembro 1976)

Sampaio 1x1 Santa Cruz (22 de janeiro de 1981)

Sampaio 1x2 Santa (30 de outubro 1999)

Sampaio 0x0 Santa Cruz (23 de agosto 2002)


SANTA CRUZ:
Os últimos resultados mudaram o olhar sobre o jogo desta quarta-feira entre Santa Cruz e Rio Branco-AC, às 20h30, no Arruda, pela sétima rodada da Série C. Com uma atuação sofrível diante do até então vice-lanterna do Grupo A, Baraúnas, no último domingo, o Tricolor conseguiu frustrar mais de 20 mil torcedores, perder os 100% de aproveitamento dentro de casa, a chance de voltar ao G-4 e, de quebra, a paz. O técnico Sandro Barbosa se viu ameaçado pela primeira vez.

Na derrota por 2 a 0, o desempenho do time incomodou tanto ou mais que o próprio resultado. No mesmo dia, o Rio Branco somou os seus primeiros pontos nesta Série C ao bater o CRB, por 1 a 0, em casa, pondo fim à sequência de cinco derrotas consecutivas. O cenário, portanto, passa longe daquele que apontava a vitória coral como certa.
Para a partida desta quarta-feira, às 20h30, no Arruda, pela sétima rodada da Série C, dois times em situações opostas. O momento mais conturbado do Santa Cruz em 2013 contrasta com o clima de esperança renovada instalado no adversário - apesar de o Rio Branco ainda permanecer afundado na lanterna. Em 6º lugar, com 10 pontos, o time pernambucano depende de si para voltar ao G-4, pois tem um jogo e apenas um ponto a menos em relação a Luverdense e Águia de Marabá, 4º e 5º colocados.
Pressionado, o técnico Sandro Barbosa só pensa em recuperar o prestígio abalado desde o último domingo. Na véspera do jogo ele sinalizou uma formação diferente. A principal novidade pode ser a entrada do meia Natan, com Júnior Xuxa, Luciano Sorriso e até Caça-Rato ameaçados de perder a vaga de titular. Especulações à parte, Ramirez está confirmado na vaga de Tozo, suspenso.
- Eu até já treinei dessa maneira (com três meias). Sempre gosto de jogar ofensivamente, para fazer gols. Temos que impor nosso ritmo diante dos adversários, jogar para vencer - disse o comandante coral durante a semana.

Cercada de mistério, a escalação do Santa Cruz tende a ser a seguinte: Tiago Cardoso; Nininho, Leandro Souza, Renan Fonseca e Tiago Costa; Ramirez, Luciano Sorriso, Raul e Júnior Xuxa (Natan); Flávio Caça-Rato e Dênis Marques

df Sampaio correa - LETRA SAMPAIO

0 comentários: